Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BAIÃO CANAL | Jornal N.º 16 - Setembro 2021

BAIÃO CANAL | Jornal N.º 16 - Setembro 2021

BAIÃO CANAL | Jornal deseja um feliz dia a todos os pais

Dia do pai.jpg

 

"Co-living": Os velhos, os novos e as famílias - Isto é um alerta imenso

Escrito por José Pereira (zedebaiao.com), em 19.03.21 (dia do pai)

Se uma pessoa tem uma posição discordante, raramente se discute com ela, com argumentos. É mais fácil censura-la e bani-la. 

"Somos programados para pensar só o que está à nossa frente"

Stunning Facts About Senior Isolation | A Place for Mom

Mas afinal o que é que quer dizer "co"?

Noutros tempos, poderia querer dizer cooperação e partilha intergeracional. Mas, hoje, dizem que representa a ideia de solução inovadora da habitação e dos modos de vida e de trabalho.

Mas que casa, que vida e que trabalho?

Why are millennials flocking to co-living spaces in Singapore? | The Peak  Singapore - Your Guide to The Finer Things in Life

Segregadora e com pouco ou nada de humanização e de socialização intergeracional?

Talvez fosse útil refletir-se sobre a segregação dos jovens e dos velhos.

Uns encaixotam-se em lares (os velhos) e outros (os jovens) em espaços "co-living" de luxo. É a nova moda inovadora.

 Quanto às famílias, essas, há muito que andam a ser encaixotadas em espaços habitacionais que dizem ser sociais, mas envoltas em pobreza.

Numa conversa com Boaventura Sousa Santos, que podem ler no SAPO24 (https://bit.ly/30Z8AFe 10Março2021), designadamente sobre os temas que dominam a atualidade e o futuro, referiu o sociólogo que:

"A PANDEMIA FOI O PRIMEIRO GRANDE ENSAIO A NÍVEL GLOBAL DE COMO SE PODE CONTROLAR POPULAÇÕES";

Loneliness is a health issue, and needs targeted solutions

"A VELHICE PASSOU A SER UM ESTIGMA NA NOSSA SOCIEDADE, E MUITAS MEDIDAS SUPOSTAMENTE PROTETORAS ATACAM A AUTOESTIMA"

"É NESTA DICOTOMIA ENTRE A ALTA ARROGÂNCIA TECNOLÓGICA E A IMENSA FRAGILIDADE HUMANA QUE ESTE SÉCULO SE VAI CARACTERIZAR"

"UMA ECONOMIA DE MERCADO É TOTALMENTE LEGÍTIMA, UMA SOCIEDADE DE MERCADO É REPUGNANTE DO PONTO DE VISTA MORAL"

"NO PRINCÍPIO DO SÉCULO A DIFERENÇA ENTRE O SALÁRIO MAIS ELEVADO DO DIRIGENTE DE UMA EMPRESA E O TRABALHADOR ERA DE DEZ, AGORA É DE DOIS MIL"

"SOMOS PROGRAMADOS PARA PENSAR SÓ O QUE ESTÁ À NOSSA FRENTE, DEIXAMOS PARA A RELIGIÃO O INVISÍVEL"

"EU PENSAVA QUE ERA BRANCO, MAS QUANDO CHEGUEI AOS ESTADOS UNIDOS CHEGUEI À CONCLUSÃO DE QUE NÃO ERA BRANCO, ERA LATINO"

Mas é preciso contextualizar, não basta ler "as gordas". "Em Portugal, se uma pessoa tem uma posição discordante, ou se insulta ou se ignora, raramente se discute com argumentos", referiu o sociólogo.

 

Pin on Aging in place

E foi a desfilar sobre diversos temas da atualidade e do futuro, do ambiente à mulher, da velhice à regionalização, das vacinas à justiça, da fé às desigualdade sociais, que foi conduzida a entrevista com Boaventura de Sousa Santos, que vale a pena ler.

 
Mas por agora, foco-me nas seguinte questões:
  • Por que motivos se encaixotam os jovens em "co-livings" de luxo, os velhos em lares e as famílias em bairros sociais?
  • Será que os jovens representam tudo do melhor para a sociedade e os idosos já não representam nada? Ninguém será eternamente jovem, e a juventude passa depressa!
  • Será que a inovação e o conhecimento advém da nascença e dos 20 ou 30 anos de juventude e de estudos pré-formatados?
  • Será que uns são os ativos e outros os inativos?
  • Será que os velhos não têm uma imensidão de conhecimento e de sabedoria para ir passando aos jovens?
 
Ao contrário do que acontece em algumas sociedades, em que os mais velhos são os depositários da sabedoria, porque é neles que está a história do país, a cultura, nós entrámos no culto de juventude. Por isso perdemos tanto tempo a tentar disfarçar a velhice, com gel, com exercícios, com jogging, e o melhor disfarce de todos é esconder os velhos, pô-los em lares.

Funciona bem para a sociedade, não funciona bem para eles, que têm de perder muita auto-estima para ir para aqueles espaços.

Eu não acredito que as organizações privadas venham a solucionar as problemáticas sociais e de habitação. Tem de ser o Estado a fazê-lo, para o bem comum.

Fizemos da necessidade uma opção e começámos a pensar que era melhor estar longe dos idosos.
Valerá a pena estudar, viver, trabalhar e envelhecer assim, sem valores e sem qualidades humanas e sociais, intergeracionais?
A velhice não pode continuar a ser um estigma na nossa sociedade, e muitas medidas supostamente protetoras atacam a autoestima das pessoas.
E fazem-no de uma maneira mais ou menos leviana, por lógicas de eficácia económica.
Criou-se um certo egoísmo social, que em meu entender não é inclusivo, de maneira nenhuma.
Como refere o sociólogo,

Isto é um alerta imenso.

 
 
 
 
Old People Smell Different, Not Worse : Shots - Health News : NPR
 
New Study: Older people 'more reluctant to admit making mistakes' |  Express.co.uk
 
The Young and the Old – When You Get To My Age
 
What Every Young Person Should Know About Old People
 
Escrito por José Pereira (zedebaiao.com), em 19.03.21 (dia do pai)
Educador Social/Técnico de Ação Social Escolar

Ze_2020.jpg