Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BAIÃO CANAL | Jornal N.º 18 - Outubro 2021

BAIÃO CANAL | Jornal N.º 18 - Outubro 2021

Nota de imprensa RR | Rota do Românico anuncia vencedores do concurso escolar Tradições Populares

Concurso-Escolar-Rota-do-Românico.jpg

 

A Rota do Românico distinguiu oito estabelecimentos de ensino no concurso Tradições Populares na Rota do Românico. A cerimónia de entrega dos prémios decorreu na tarde de sexta-feira, 18 de junho, no Centro de Interpretação do Românico, em Lousada.

O concurso escolar recebeu um total de 44 trabalhos, nas categorias de Ilustração, Criação literária e Fotografia.

Na ilustração, a Escola Básica de Rio de Moinhos, de Penafiel, foi a grande vencedora, seguida da Escola Básica de Eiró, de Marco de Canaveses, e da Escola Básica de Canelas, de Penafiel.

Na categoria de Criação literária, o primeiro prémio coube ao Externato Senhora do Carmo, de Lousada. As posições seguintes foram ocupadas pela Escola Básica e Secundária de Airães, de Felgueiras, e pela Escola Básica e Secundária de Lousada Oeste.

Por último, na categoria Fotografia, o Colégio de São Gonçalo, de Amarante, arrecadou os prémios principais.

O concurso Tradições Populares na Rota do Românico desafiou a comunidade escolar, do ensino pré-escolar ao secundário, do território abrangido pela Rota do Românico, a explorar, de forma criativa, o seu vasto património imaterial.

O júri, constituído pela ilustradora Fedra Santos, pelo produtor audiovisual Pedro Fonseca e pelo técnico da Rota do Românico Joaquim Costa, valorizou particularmente os trabalhos que melhor estabeleceram a ligação do citado património aos monumentos da Rota do Românico.

Esta Rota reúne, atualmente, 58 monumentos e dois centros de interpretação, distribuídos por 12 municípios dos vales do Sousa, Douro e Tâmega (Amarante, Baião, Castelo de Paiva, Celorico de Basto, Cinfães, Felgueiras, Lousada, Marco de Canaveses, Paços de Ferreira, Paredes, Penafiel e Resende).

As principais áreas de intervenção da Rota do Românico abrangem a investigação científica, a conservação do património, a dinamização cultural, a educação patrimonial e a promoção turística.

 

www.rotadoromanico.com

Nota de imprensa | CM de Baião | Piscinas de Ar-Livre abrem dia 19 de junho

Abertura da época balnear 2021 CM Baião.jpg

As Piscinas Municipais de Ar-Livre situadas em Ancede, Campelo e Santa Marinha do Zêzere abrem no dia 19 de junho.

Até dia 10 de julho as Piscinas de Campelo vão abrir apenas aos fins-de-semana, de modo a não perturbar o funcionamento das escolas. A partir dessa data as Piscinas Ar-Livre de Campelo vão abrir todos os dias da semana.

As Piscinas de Ancede e de Santa Marinha do Zêzere vão funcionar todos os dias da semana.

REGRAS ADAPTADAS À COVID-19

Tal como no ano passado, os três equipamentos vão funcionar de acordo com as regras da Direção-Geral de Saúde, e recomendações da Autoridade Local de Saúdede acordo com o Plano de Contingência preparado para o efeito - consulte aqui .

A lotação regular das piscinas continuará reduzida e mantêm-se os dois períodos de acesso criados em 2020 para que mais pessoas possam usufruir das piscinas.

Existe um turno das 10h00 às 14h30 e outro das 15h00 às 19h30. O bilhete de entrada dá acesso a um dos turnos.

Entre as 14h30 e as 15h00 será feita a limpeza e desinfeção dos diferentes espaços.

Será possível utilizar os sanitários, mas os balneários estarão encerrados.

Mantêm-se ainda as seguintes medidas:

– Definição de um ponto de entrada e de um ponto de saída das piscinas;

– Reforço da desinfeção dos equipamentos;

– A colocação de vários pontos de higienização das mãos;

– Interditoo aluguer e a utilização de espreguiçadeiras;

– Obrigatório o uso de calçado apropriado para circular em todo o recinto, incluindo na área envolvente à piscina, chuveiros externos e sanitários.

Mediante a evolução do processo de vacinação, poderão ser efetuadas alterações destas normas.

DESCONTOS NO ACESSO ÀS PISCINAS

Para além dos descontos habituais e que poderá consultar através da tabela de preços aqui, a entrada nas piscinas municipais de ar-livre é gratuita às segundas-feiras, entre as 10h00 e as 13h00 horas, para quem apresente o Cartão do Munícipe.

Consulte aqui mais informações sobre o Cartão do Munícipe:

https://www.cm-baiao.pt/2021/04/06/baiao-cartao-do-municipe-vai-dar-descontos-no-acesso-a-6-espacos-de-cultura-e-desporto/

 

 

Acidente com viatura da comitiva do ministro Eduardo Cabrita mata homem na A6

O acidente envolveu o veículo onde seguia a comitiva do ministro Eduardo Cabrita e a vitima mortal é um homem de 43 anos que se encontrava a trabalhar na manutenção da autoestrada.

Fonte do Comando Territorial de Évora da GNR explicou à agência Lusa que o acidente ocorreu "por volta das 13:00", na A6, no Alentejo, e vitimou um homem que estava a executar "trabalhos de manutenção" da autoestrada.

 

Baião | Estarão executados os trabalhos de limpeza obrigatória? Foto reportagem a sair brevemente...

O Despacho n.º 3403/2021 procede à identificação das freguesias prioritárias para a fiscalização da gestão de combustível.

No concelho de Baião, as freguesias prioritárias são as seguintes:

Lista de freguesias prioritárias: (ver documento original)

Mapa de freguesias prioritárias: (ver documento original)

Gove.
Grilo.
Loivos do Monte.
Santa Marinha do Zêzere.
União das Freguesias de Baião (Santa Leocádia) e Mesquinhata.
União das Freguesias de Campelo e Ovil.
União das Freguesias de Loivos da Ribeira e Tresouras.
União das Freguesias de Santa Cruz do Douro e São Tomé de Covelas.
União das Freguesias de Teixeira e Teixeiró.
Valadares.
Viariz

Campanha de limpeza de matos 2018 - Junta de Freguesia de Ponte

Despacho n.º 3403/2021

 Publicação: Diário da República n.º 62/2021, Série II de 2021-03-30
  •  Emissor:Administração Interna e Ambiente e Ação Climática - Gabinetes da Secretária de Estado da Administração Interna e do Secretário de Estado da Conservação da Natureza, das Florestas e do Ordenamento do Território
  •  Tipo de Diploma:Despacho
  •  Parte:C - Governo e Administração direta e indireta do Estado
  •  Número:3403/2021
  •  Páginas:42 - 60
 Versão pdf: Descarregar 

ENXAMES |Terra Minha Jamais Esquecida (Poema de Benvinda Barbosa Pereira)

POESIA SOBRE BAIÃO

Escrito por Benvinda Barbosa Pereira 19/3 às 21:41

Terra Minha Jamais Esquecida

Pode ser uma imagem de estrada e texto que diz "ENXAMES O.P"Baião - Enxames - Santa Cruz do Douro

A minha terra fica a Norte de Portugal.

É única, pois não há outra igual.

Chama-se Enxames e pertence a Baião.

Como muita gente, acho-a a mais bonita então...

 

Tem no alto as curvas e contra curvas.

Pelo meio os socalcos com as suas uvas.

Que fazem o vinho do Porto tão apreciado.

Nos seus pés, os barcos Rebelos no Rio Douro, descansado.

 

É uma terra de escritores conhecidos.

Como o Professor António Mota e seus livros.

E o nosso inesquecível, Eça de Queirós.

A sua pousada é vizinha de meus avós.

 

Terra minha, a que só vou de visita.

Porque, de lá parti quando era pequenita.

Não havia trabalho, problema que persiste, por isso parti.

Recordações não tenho, de quando aí residi.

 

Da meninice e mocidade à idade actual e até morrer.

Das visitas aos familiares, essas nunca vou esquecer.

Às minhas filhas, a minha terra já fui mostrar.

Quando tiverem filhos, a minha história irão contar.

 

Já conheci e vivi noutras terras e noutras posso morar.

Terra minha, podem as pessoas morrer e as paisagens mudar.

Mas, terra minha, não é porque parti, que te vou esquecer.

Gosto de falar de ti e tenho orgulho, da terra que me viu nascer.

 

Autor: Benvinda Barbosa Pereira

Estudar e tirar um curso superior ainda compensa? Compensa sim e vou ajudar-te...

por José Pereira (zedebaiao.com), em 17.06.21Ze_2020.jpg

Nos dias de hoje, ouvimos muitas vezes a seguinte frase: “para quê tirares um curso, se vais acabar num emprego não qualificado ou no desemprego?” 

Contudo, é precisamente nos momentos de crise que mais faz sentido combater estes mitos e dar esperança às famílias e aos jovens, designadamente aos mais carenciados e menos informados, demonstrando-lhes que a Educação, o Ensino Superior, a Ciência e a Investigação, continuam a ser as melhores ferramentas para o bom desenvolvimento pessoal e profissional, para a empregabilidade, para o acesso e progresso profissional e, ainda, para a melhoria das condições laborais e salariais, sendo o conhecimento o valor mais precioso da humanidade e tendo este uma enorme utilidade e valor para as mais diversas áreas e profissões.

Assim, só através de uma informação rigorosa sobre os mais diversos benefícios da Educção e do Ensino Superior, seja antes, durante ou após as crises sociais, económicas ou de saúde pública, é que podemos combater os mitos que ainda subsistem.

E "estas dimensões podem e devem ser consideradas pelas famílias e mesmo pelas próprias instituições de ensino superior, até mesmo nas suas estratégias de comunicação e atração de alunos” (Estudo Benefícios do Ensino Superior).

satisfação com ensino superior.jpg

São muitas as vantagens que decorrem do prosseguimento dos estudos superiores e das qualificações profissionais, sejam de base académica, de qualificação e/ou de requalificação profissional ou até mesmo de desenvolvimento e de satisfação pessoal.

Ensino superior mais e melhores competências.jpg

E para o comprovar, passo a apresentar alguns dos factos e números que o comprovam:

  • Em cada 100 jovens da faixa etária da idade dita "normal" de acesso ao ensino superior (20 anos), apenas 40 por cada 100 jovens têm vindo a ingressar no ensino superior (MCTES), havendo a necessidade de reforçar a informação sobre os benefícios, não apenas para os mais jovens, mas também para os maiores de 23 anos, que podem ingressar no ensino superior por via do Regime dos Maiores de 23 anos;
  • Segundo dados recolhidos pela OCDE (2020), um maior nível de escolaridade aumenta a probabilidade de se estar empregado, sendo que:
    • Em média, nos países da OCDE, a taxa de emprego é de 61% para a generalidade dos cidadãos na faixa etária dos 25-34 anos sem ensino secundário, 78% para os que detêm o ensino secundário ou pós-secundário não-superior e 85% para aqueles que têm um curso superior.

Emprego no ensino superior OCDE.jpg

    • Em Portugal e na Europa, a compensação salarial para os que tiraram um curso superior é significativamente superior, quando comparada com os salários dos que têm o ensino secundário ou de nível inferior;
    • Em comparação com aqueles que terminam apenas o ensino secundários, os que terminaram o ensino superior apresentam uma taxa de emprego cerca de 10% superior (OCDE);
    • Ter frequentado a educação pós-secundária ou superior reduz o risco de desemprego;
  • Ensino superior taxa emprego 2017.jpg 

    • Em Portugal a compensação salarial atinge 85% dos trabalhadores com qualificação superior, recebendo estes o dobro do salário mínimo nacional e mantendo-se este indicador acima do salário médio nacional, rendimento este que está apenas ao alcance de 15% da população em geral;
  • Ensino superior realização e autonomia.jpg 

    • Os titulares de um curso superior recebem, em média, +35% do que aqueles que detêm apenas o ensino secundário (OCDE) e +50% do salário/hora para um licenciado, nos primeiros dez anos de experiência profissional (Estudo Benefícios do Ensino Superior);
    • Mesmo em períodos de crise, as pessoas com mais elevados níveis de escolaridade “conseguem arranjar emprego mais facilmente” quando desempregadas.  

N estudante ensino superior 1991_2015.jpg

N diplomados ensino superior 2006_2015.jpg

Muito do que se foi passando ao longo dos séculos ainda informa o ensino superior em Portugal nos dias de hoje.

Logotipo do Estudar (mais) é preciso

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

Bolsas de Estudo a Estudantes do Ensino Superior
 
Grupo de EntreAjuda e
Grupo de Facebook
 
 
Bolsas de Estudo a Estudantes do Ensino Superior

 

Pode candidatar-se através do portal criado para o efeito, aqui.

Também está disponível a submissão de requerimentos à atribuição de Bolsas de Estudo para frequência de estudantes com incapacidade.

Links rápidos:

Perguntas Frequentes sobre Bolsas de Estudo

Prazos de Candidatura a Bolsas de Estudo

Candidatura a Bolsa de Estudo para frequência de estudantes com incapacidade

 

Fontes: 
www.oecd-ilibrary.org/docserver/69096873-en.pdf?expires=1623952870&id=id&accname=guest&checksum=0A65A0BD0F9879BED3B59801EB1D2DF7

https://fronteirasxxi.pt/wp-content/uploads/2018/08/beneficios-do-ensino-superior-introducao-1.pdf

https://www.ffms.pt/FileDownload/5f1b62b7-bf82-4655-81af-2ce5d92778a9/beneficios-do-ensino-superior

https://www.dges.gov.pt/pt/noticia/estudar-mais-e-preciso