Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

baiaocanal

baiaocanal

Regional | Penafiel | Pulseira eletrónica por violência doméstica

 

vio.png

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Penafiel, no dia 8 de junho, deteve um homem de 60 anos por violência doméstica, no concelho de Penafiel.
No âmbito de um processo por violência doméstica, os militares da Guarda deram cumprimento a um mandado de detenção, em virtude do suspeito em ato contínuo perseguir e controlar as rotinas diárias da vítima, sua ex-mulher de 57 anos, através de injúrias e ameaças.
Criminal de Penafiel, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de proibição de contactos por qualquer forma ou meio com a vítima, afastamento da residência e do local de trabalho da vítima, até uma distância de 200 metros, controlado por pulseira eletrónica.
A violência doméstica é crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva. Se precisar de ajuda ou tiver conhecimento de alguma situação de violência doméstica participe:
• No Portal Queixa Eletrónica, em queixaselectronicas.mai.gov.pt;
• Via telefónica, através do número de telefone: 112;
• No Posto da GNR mais próximo à sua área de residência, tendo os nossos contactos sempre à mão em www.gnr.pt/contactos.aspx;
• Na aplicação App MAI112 disponível e destinada exclusivamente aos cidadãos surdos, em http://www.112.pt/Paginas/Home.aspx;
• Na aplicação SMS Segurança, direcionada a pessoas surdas em www.gnr.pt/MVC_GNR/Home/SmsSeguranca.
 
Fonte: GNR