Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BAIÃO CANAL | Jornal N.º 16 - Setembro 2021

BAIÃO CANAL | Jornal N.º 16 - Setembro 2021

Jogos Olímpicos | Pedro Pichardo colocou Portugal no pódio mais alto do triplo salto (medalha de ouro)

Pedro Pichardo sagrou-se campeão olímpico do triplo salto em Tóquio 2020.

O atleta tem 28 anos e efetuou o melhor salto, de 17,98 metros, à terceira tentativa, e bateu o seu recorde nacional por três centímetros, impondo-se ao burquinense Fabrice Zango, com 17,47, e ao norte-americano Will Claye, com 17,44, que conquistaram as medalhas de prata e de bronze, respetivamente.

Pichardo: "Ouvir que um português não é feliz porque um estrangeiro chega  ao país e se sente feliz por representá-lo... é complicado" - Jogos  Olímpicos 2020 - SAPO Desporto

Pedro Pichardo é agora o mais recente campeão olímpico português ao vencer o ouro no triplo salto nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020.

Desde muito jovem que Pedro Pablo Pichardo deu nas vistas no triplo salto e, com o tempo, fixou-se como uma referência desta disciplina do atletismo. Em 2015 tornou-se no 5º triplista da história a ultrapassar a marca dos 18 metros..

Em abril de 2017 assinou contrato com o Benfica.

Em agosto de 2019 é integrado nas competições internacionais para representar Portugal e logo na estreia ficou em 4º nos mundiais realizados em Doha, no Catar.

Já em março deste ano venceu o primeiro grande título com a bandeira nacional - foi campeão europeu de pista coberta em Torun, na Polónia..

O pai, Jorge, é o seu treinador e segundo o próprio Pedro Pichardo "é malucpo" por é sempre muito exigente e nunca está satisfeito. Pai e filho têm estado sempre juntos neste trajeto, sempre com dois objetivos em mente: tornar Pedro Pablo campeão olímpico e fazer com que o atleta consiga bater o recorde do mundo, que está nos 18 metros e 29 centímetros.