Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BAIÃO CANAL | Jornal N.º 16 - Setembro 2021

BAIÃO CANAL | Jornal N.º 16 - Setembro 2021

Proteção Civil emitiu este domingo um aviso à população em geral devido à previsão de chuva e vento para os próximos dias, "sobretudo no litoral centro e sul".

ggg.jpg

 

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou todo o território continental sob aviso amarelo, a partir da madrugada de segunda-feira, devido à previsão de trovoada e chuva forte. 

De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), "são expectáveis precipitações localmente fortes, com impactos significativos, em particular em meios urbanos, onde há risco de cheias rápidas, e na circulação rodoviária".

 

Face a estas previsões, a Proteção Civil sublinha que "poderão ocorrer cheias e inundações nas áreas urbanas, com destaque para a área metropolitana de Lisboa e para a cidade de Setúbal".

"Há também o risco da subida do nível das águas dos rios e ribeiras do Algarve, que poderão causar inundações nas zonas urbanas e mais impermeabilizadas. Recomenda-se especial atenção à eventual conjugação dos picos de precipitação com as horas previstas para a preia-mar", indica ainda a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) em comunicado enviado às redações.

Os efeitos expectáveis são, por isso, piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água, possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, danos em estruturas montadas ou suspensas, possibilidade de queda de ramos ou árvores devido ao vento mais forte, possíveis acidentes na orla costeira, entre outros incidentes.

Perante este cenário, a Proteção Civil deixa um conjunto de medidas preventivas que devem ser adotadas:

Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas;

Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível acumulação de neve e formação de lençóis de água nas vias;

Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;

  • Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas;

  • Ter especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas, estando atento para a possibilidade de queda de ramos e árvores, em virtude de vento mais forte;

Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis;

Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

Para segunda-feira, em concreto, prevê-se, aguaceiros, por vezes fortes, acompanhados de trovoada, em especial no litoral oeste e Algarve, estendendo-se gradualmente às restantes regiões a partir da tarde.

Perspetiva-se vento por vezes forte, em especial nas terras altas do centro e sul, por vezes com rajadas até 80 quilómetros horários.

Já para terça-feira, a previsão da Meteorologia aponta para aguaceiros, por vezes fortes, acompanhados de trovoada, granizo e rajadas de vento forte.